Neste sábado, dia 11 de agosto, é comemorado o Dia do Garçom, profissional que está no centro das atenções em Pernambuco: o Estado é considerado o primeiro polo gastronômico do Nordeste. Nesta data especial, vale lembrar a importância da capacitação para os profissionais do segmento.

Com a demanda turística e gastronômica em contínua ascensão, os garçons estão atentos a oportunidades de qualificação, através de programas que visam preparar o segmento para atender às exigências do mercado.Apenas a Abrasel-PE capacitou mais de 100 profissionais em 2012, além de todas as ações de capacitação promovida pelas entidades ligadas ao setor produtivo, a exemplo do Sebrae e Senac.

Para Valter Jarocki, diretor executivo da Associação, o objetivo desses projetos é promover a qualificação para otimizar o ambiente de negócios e aumentar a produção. “É uma cadeia de melhorias para o setor. Através dessas ações, nós treinamos não só o garçom, que está no atendimento, mas também os profissionais de cozinha e gestores” avalia Valter.

De acordo com Valéria Glória Sabra, gerente da pizzaria Armazém Guimarães, associado da Abrasel-PE, a busca dos profissionais pela excelência do trabalho deve ser continua, uma vez que trabalham prestando um serviço. “Nós estamos sempre indo atrás de qualificação, para todos os setores do estabelecimento, desde o atendimento ao administrativo. Essa atualização é importante para nos manter fortes no mercado, que está cada vez mais exigente”, afirma.

Ainda segundo a gerente, essa é uma preocupação não só dos gestores, mas também dos profissionais. “Geralmente, toda oportunidade que é dada para os nossos profissionais é bem aceita”, avalia Valéria. É o caso do garçom Pedro Augusto Vieira, que trabalha no ramo há sete anos. Para ele, os programas de qualificação são importantes para que ele se destaque. “A gente precisa lidar com pessoas e ao mesmo tempo administrar a correria do dia a dia, não é uma tarefa simples. É imprescindível saber cativar os clientes e oferecer um servido de qualidade. Faz toda a diferença”, acredita o profissional.

Os programas de qualificação para o setor da alimentação fora do lar da Abrasel-PE acontecem ao longo do ano, a partir de um calendário de treinamentos realizados em parceria com o Sebrae-PE. De acordo com a associação, até o fim de 2012 estão previstos cursos de segurança de alimentos, coquetelaria, serviço de vinho, atendimento e gestão, todos com foco no mercado de Pernambuco.