Abrasel apóia campanha contra a exploração sexual de crianças de adolescentes

Seccionais distribuem bolachas de chope e adesivos da campanha em bares e 
restaurantes nas 12 cidades que receberão o Mundial




A Abrasel Nacional abraçou a campanha internacional "Não Desvie o Olhar", que visa combater a exploração sexual de crianças e adolescentes. Com o grande fluxo de turistas que o Brasil receberá no período da Copa do Mundo, a rede ECPAT (End Child Prostitution And Trafficking, que em português significa Fim da Prostituição e do Tráfico Infantil) movimenta instituições e vários setores da sociedade em prol do combate a esse tipo de crime. A Iniciativa mobiliza 17 países e no Brasil é coordenada pelo Conselho Nacional do SESI, com apoio da Frente Nacional dos Prefeitos (FNP).

Como entidade que representa o setor de alimentação fora do lar, a participação da Abrasel é fundamental para ajudar a iniciativa a alcançar seu objetivo. “A Abrasel defende esta causa e acredita que a mobilização destes estabelecimentos é fundamental no processo de sensibilização da população em defesa das nossas crianças”, ressalta o presidente da Abrasel Nacional, Paulo Solmucci.

A campanha estará presente em todos os possíveis pontos a serem visitados pelos turistas, o que inclui desde locais como aeroportos, hotéis e taxis até bares e restaurantes. As seccionais da Abrasel realizam a distribuição de bolachas de chope e adesivos de banheiro aos estabelecimentos das 12 cidades-sede do Mundial, além de um alerta para a importância de se denunciar pessoas que cometam exploração sexual de crianças e adolescentes. Em Pernambuco, mais 200 estabelecimentos já receberam o material e o incentivo à denúncia, de maneira fácil e completamente reservada, através do Disque 100.

Informações site Abrasel Nacional