Hoje é dia de celebrar a pizza (Matéria no caderno de Economia do Jornal do Commercio – 10.07 2013)





Hoje não é domingo, mas para os donos de pizzaria é comose fosse. No Dia da Pizza, os restaurantes esperam comemorar a data com os bons números dos fins de semana. É o caso da Pizzaria Atlântico, que chega a comercializar duas mil pizzas em dias de grande movimento, de acordo com o proprietário da rede, Ivo Lira. Em outros estabelecimentos, como na Parla Pizza, a data é aguardada junto com um aumento de 45% nos pedidos de delivery, segundo o proprietário Marcelo Silva. Diga-se, aliás, que a data é comemorada justamente no melhor mês de vendas para o setor, devido às férias escolares. Para o diretor executivo da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), Valter Jarocki, o grande apelo pela pizza, que já faz parte da cultura gastronômica do brasileiro, se deve ao fato de que ela carrega em si uma vantagem competitiva. “É muito mais barata se comparada a pratos que tenham como alimento principal carnes e aves.” Segundo ele, o segmento, nos últimos cincos anos,

vem crescendo em Pernambuco numa proporção média de10% ao ano. “Cada dia que passa, o brasileiro gosta e consome mais pizzas. Esse crescimento se deve também ao poder de consumo da classe C e das mudanças de hábitos do brasileiro, como alimentar-se fora de casa”, afirma Ivo Lira. Marcelo Silva, da Parla Pizza, viu o seu faturamento quadruplicar desde 2006, quando abriu o estabelecimento dedicado

ao serviço de delivery. “Os domingos são responsáveis por 45% das vendas da semana toda”, conta. Ele diz que, apesar das pizzas com sabores diferenciados – como a Nordestina – terem boa aceitação, as tradicionais, como a Frango com Catupiry, representam10% dos pedidos. A Pizzaria Atlântico, que completa 26 anos este ano e aproveita o crescimento do segmento para iniciar suas atividades dentro do conceito de fast food. “Além das nossas seis unidades físicas e do serviço de delivery que atende toda a Região Metropolitana, estamos iniciando um novo modelo de negócio: lojas nos principais shoppings centers da cidade e uma na Ferreira Costa

do bairro da Tamarineira, que será lançada na próxima semana”, conta Lira. Ele acrescenta que o carro-chefe da casa são as pizzas premium, cujos sabores são exclusivos da rede, como a Pizza Costela Gruyere, recheada com carne de costela de boi desfiada e refogada, queijo gruyere, tomate cereja, manjericão e azeite.

Até as marcas mais recentes no Estado já comemoram os números. É o caso da Domino’s, que chega a vender sete mil pizzas por mês, e uma média de 500 aos domingos, na unidade do bairro das Graças, com menos de um ano de funcionamento. “Inauguramos a unidade de Boa Viagem no último dia 20 de junho e já comercializamos quatro mil pizzas”, comemora a sócia Carolina Pincovsky.